Notícias

APOSENTADORIA ESPECIAL - Ari Heck mantém contato com parlamentares deficientes para obter apoio ao projeto
27/02/2006

O presiente da ASTRIDEF, Ari Heck, esteve nesta quarta-feira (22) eu audiência com o Dep. Paulo Brum (PSDB) e com a assessoria do Dep. Marquinho Lang (PFL) para tratar sobre a aposentadoria especial para os deficientes e apresentar os trabalhos desenvolvidos pela associação no município.

Ari Heck recebeu o apoio irrestrito do Dep. Paulo Brum aos dois projetos que estão tramitando no senado e que tratam da aposentadoria especial para deficientes contribuintes. Hoje, não há critério para um deficiente se aposentar por tempo de serviço e idade, pois na reforma da previdência os deputados e senadores decidiram criar uma lei complementar para o caso e os projetos do Senador gaúcho Paulo Paim (PT) regulamentam a aposentadoria para servidores e trabalhadores da iniciativa privada. Ari solicitou aos deputados o envio de uma Moção de Apoio aos projetos e que as moções sejam encaminhadas para as câmaras municipais. A assessoria do Dep. Marquinho se comprometeu a remeter cópias da moçao a todos os vereadores e deputados do PFL do Brasil e por ser de Venâncio Aires, convidou a diretoria da associação para uma reunião nos próximos dias.

ASTRIDEF DEIXA DE RECEBER RECURSOS POR NÃO TER DECRETO DE UTILIDADE PÚBLICA

O presidente da Astridef recebeu a notícia do dep. Brum de que a entidade não poderá receber o auxílio da Assembléia por não ter utilidade pública. "infelizmente a nossa entidade ainda não foi decretada de utilidade pública municipal pelo prefeito. Nós havíamos encaminhado um requerimento ao ex-prefeito e ele se comprometeu em publicar o decreto. Estaremos encaminhando novo ofício ao atual prefeito pois os R$ 1.000,00 que eram destinados à Astridef farão muita falta. O dep. Brum se comprometeu em encaminhar o pedido de utilidade pública estadual tão logo saia o decreto municipal", observou Ari. Além do presiente da Astridef, também participou das audiências a diretora Magda do Sintrajufe, sindicato dos servidores federais. Os dois deputados são portadores de deficiência.

 

Todos os direitos reservados a Ari Heck